Zero Desperdício

Refeições Servidas

3 3 7 2 1 3 7

Um Projeto: Dariacordar

Partilhar no Facebook

António Costa Pereira e a Petição do Desperdício Alimentar

© Maria Vasconcelos

Há movimentos que começam com a revolta, com a revolução. Grita-se, move-se, luta-se pela mudança. Há movimentos que começam zangados, perturbados com a sua situação, e querem a todo o custo mudá-la. Alguns unem-se em multidões. Outros ficam-se por um grupo na internet. Uns chegam onde querem. Outros nem por isso. Conseguir ter sucesso por uma causa é algo que requer muito trabalho, unir muita gente e incomodar ainda mais. É preciso fazer muitas perguntas, não obter resposta e perguntar outra vez, e outra, e outra. Porém, há movimentos que têm sucesso e não é por precisarem de menos trabalho, ou terem muitos seguidores, ou gritarem mais alto. Segundo António, só é preciso fazer e fazer mais. Mas com outros cidadãos formou a DariAcordar – associação para a recuperação do desperdício e, em conjunto, criaram o movimento Zero Desperdício. E afinal foi simples: bastou ter Vontade, Trabalho, Coordenação e Paixão.